ACESSO RÁPIDO

7 dicas financeiras para organizar sua vida

Início / 7 dicas financeiras para organizar sua vida

7 dicas financeiras para organizar sua vida

É natural que em determinado momento da vida, sua saúde financeira pode ter sido um grande motivo de preocupação e dor de cabeça. Seja por conta de dívidas ou impossibilidade de realizar viagens e comprar bens materiais, carros, casas e afins, o dinheiro está sempre entre as maiores causas de frustrações dos seres humanos. Porém, ao organizar a sua vida financeira, seguindo as dicas financeiras corretas, as dívidas e privações passam a dar lugar às realizações de sonhos e uma rotina mais saudável e prazerosa, transformando o dinheiro em um motivo de tranquilidade, e não estresse ou decepção.

Organize as receitas e despesas

A primeira das dicas financeiras a serem seguidas, parece algo muito simples, mas que nem todos estão habituados a praticar. Para se ter uma vida financeira saudável, o primeiro e fundamental passo é ter organização, entendendo o quanto de dinheiro sai e o quanto que entra, auxiliando a trilhar um panorama inicial de como o dinheiro é usado em seu dia a dia.

Muitas pessoas não sabem dizer ao certo o quanto recebem todo mês, e muito menos sabem ao certo o quanto é gasto neste período. Portanto, é primordial se organizar através de planilhas, sejam elas físicas ou digitais, para destrinchar tudo aquilo que entra como receita no mês, ou seja, os vencimentos da pessoa e tudo aquilo que é gasto como despesas, incluindo contas, dívidas, parcelas de veículos, supermercado, farmácia e entre tantos outros gastos.

Ao ter uma noção maior daquilo que é recebido, em comparação com aquilo que é gasto, torna-se muito mais fácil localizar quais áreas precisam de uma maior economia, como supermercado ou a conta de luz, quais são primordiais e não conseguem ser reduzidas, bem como aquelas que são completamente supérfluas e podem ser cortadas, auxiliando em uma maior economia e controle de sua situação financeira.

Tome cuidado com o cartão de crédito

Outro ponto importante das dicas financeiras a serem seguidas, é a necessidade de ter um cuidado maior com o uso do cartão de crédito. Quando o assunto são as dívidas, o cartão de crédito é um dos principais culpados por colocar as pessoas em uma situação financeira complicada e desconfortável.

Em um primeiro momento, esta forma de pagamento pode parecer vantajosa, lhe permitindo comprar aquele item mais caro, mesmo que você não possa de fato arcar com seus custos naquele momento. Porém, é importante lembrar que a conta sempre chega no fim do mês, acumulando-se com várias outras despesas, o cartão de crédito pode se tornar um caminho sem volta para a recuperação de sua saúde financeira.

Portanto, evite utilizar o cartão de crédito e de preferência não faça muitas compras parceladas, evitando surpresas indesejadas quando sua fatura chegar no próximo mês. A utilização do cartão de débito é uma opção mais segura para quem procura organizar sua vida financeira e se livrar das dívidas descontroladas.

Tenha uma reserva de emergência

Em um determinado momento, imprevistos podem acontecer, e mesmo seguindo todas estas dicas financeiras, eventuais gastos não programados podem surgir e exigir uma quantia que fugiria do seu controle mensal. Portanto, é necessário que seja tomada uma medida para blindar o seu orçamento e evitar o surgimento de novas dívidas.

Sendo assim, crie uma reserva de emergência. Abasteça esta reserva com eventuais lucros inesperados e afins, para ter um dinheiro guardado em caso de uma emergência médica, manutenção do carro e afins, preservando você e sua família de passar alguma necessidade por conta de gastos que não estavam nos planos e quebrar a sua organização financeira.

Defina objetivos de curto, médio e longo prazo

Outra das importantes dicas financeiras para organizar a sua vida, é a necessidade de estabelecer objetivos de curto, médio e longo prazo, equilibrando as contas com os sonhos e aspirações. Afinal, se as pessoas trabalham arduamente, não é para manter o dinheiro em uma conta de banco, mas sim buscar uma vida mais confortável e feliz, com diversas realizações e sonhos concretizados.

Portanto, listar seus objetivos de vida, sejam eles para o futuro mais próximo ou mais distante, é um passo importante para tornar seus sonhos possíveis. Sejam eles trocar de carro, fazer uma viagem de férias, comprar uma casa e entre tantas outras possibilidades, fazer esse controle financeiro, pensando nos objetivos futuros, é um passo fundamental para se ter uma vida agradável, tranquila e realizada.

Economize dinheiro

Estabelecer metas e sonhos é uma das importantes dicas financeiras, mas elas dificilmente se tornarão realidade se uma outra medida fundamental não for praticada: economizar dinheiro. Afinal, muitas vezes, as pessoas sonham com algo que está acima de suas possibilidades financeiras em determinado momento, e a saída para não deixar tais objetivos pelo caminho, é economizar dinheiro.

Se a sua próxima meta for comprar um novo veículo, por exemplo, pode ser que você não tenha o dinheiro sobrando em conta para efetuar a compra de uma hora para outra. Portanto, guarde dinheiro ao longo dos meses, evitando gastos desnecessários e sabendo se controlar financeiramente, e em algum tempo você pode acumular a quantia desejada, podendo riscar o objeto de desejo de sua lista de objetivos, realizando este sonho, e não o deixando para trás.

Invista em educação financeira

Em muitos casos, as pessoas conseguem se organizar ao seguir estas dicas financeiras e acabam deixando o seu patrimônio nas mãos dos bancos, que podem aplicá-lo de uma maneira a beneficiá-los, não o melhor para você prosperar financeiramente e potencializar o seu dinheiro.

Sendo assim, é fundamental que você faça um investimento em você mesmo, buscando aprender e entender mais sobre educação financeira, através de bons livros sobre o assunto, por exemplo, para que você saiba como ter o controle do seu próprio dinheiro e a melhor maneira de investi-lo, sem precisar da interferência dos bancos, que podem desvalorizar os seus lucros e cobrar altas taxas de administração do seu patrimônio.

Quite suas dívidas

A última das dicas financeiras, e tão importante quantos as anteriores, parece simples e óbvia no papel, mas quase impossível de se resolver em determinados casos: quite suas dívidas, livre-se destas despesas que podem se tornar verdadeiras bolas de neve e atrapalhar sua reorganização financeira, e claro, não adquira novas dívidas.

Ninguém gosta de estar em débito com instituições ou pessoas, com os temidos juros aplicados nas dívidas, podem se tornar cada vez mais difíceis de serem quitadas. Portanto, antes de buscar realizar os sonhos, é necessário acabar com estes gastos. Procure entender quais são as dívidas que precisam e podem ser pagas com maior urgência, tirando aos poucos estes custos de sua vida e aliviando as contas. Renegociações são normalmente possíveis na tentativa de reduzir os valores a serem pagos.

Quando suas dívidas não forem mais um problema, algo aparentemente óbvio e que em muitos casos não é seguido, precisa ser praticado: não faça novas dívidas. Muitas pessoas podem se deslumbrar com o fim de uma dívida, e no impulso, acabam criando novos valores a serem pagos de maneira desnecessária. Portanto, evite estes novos gastos e comece a reorganizar a sua relação com o dinheiro e tenha uma vida mais saudável, seguindo estas dicas financeiras.

Ter uma vida financeira saudável e tranquila, é o desejo de praticamente todas as pessoas. Ao seguir estas vitais dicas financeiras, você poderá dar um novo rumo à sua vida, livrando-se das preocupações e limitações geradas pela falta de dinheiro. Comece a organizar a vida financeira, garantindo um futuro de muito conforto e realizações. 

(Fonte: Fala Universidades)

COMPARTILHE: