ACESSO RÁPIDO

Afinal, quem pratica corrida perde massa muscular?

Início / Blog / Afinal, quem pratica corrida perde massa muscular?

Afinal, quem pratica corrida perde massa muscular?

Estava fazendo meu treino de musculação, quando Rafael, um aluno da academia que sabe que eu trabalho com corrida há mais de 10 anos, disse que queria tirar uma dúvida comigo. 
Terminei meu treino e fui até ele, que me disse: 'André, estava querendo começar a correr, mas li numa rede social um cara falando que a corrida faz com que a gente perca massa muscular e, como não quero perder, é melhor eu não correr, não é?' Respirei fundo por 10 segundos antes de conversar com Rafael.

Confesso que sempre é muito duro ouvir de um aluno que pegou “dicas” nas redes sociais. Porém, como professor, tenho um compromisso com a sociedade e me sinto no dever de orientar as pessoas de forma correta e segura. Afinal de contas, diferentemente de muitos influenciadores (que prefiro chamar de destruidores) que existem por aí, eu estudei sobre o assunto.

Aqui, faz-se necessário esclarecer que existem pessoas capacitadas para fornecer dicas e orientações nas redes sociais. Se a pessoa estudou para aquele assunto, tem formação específica para falar ou escrever tal coisa, sem problemas. O conhecimento precisa passar adiante. A questão é quando a pessoa não é da área e acha que sabe tudo de tudo e, por ter tantos mil seguidores, pode falar o que quiser. É preciso saber diferenciar esses tipos de pessoas.

Voltando a Rafael, fomos conversar. Comecei explicando a ele sobre os benefícios da corrida, perguntei-lhe se ele tinha alguma lesão ou desconforto que pudesse impedi-lo de correr e, por fim, quais seriam seus objetivos ao inserir a corrida em sua rotina de treinamento. O aluno me respondeu e a conversa continuou.

Expliquei a Rafael que a corrida gera um alto gasto calórico e que poderia haver perda de massa muscular. Dependendo de algumas variáveis, o gasto calórico durante um treino de corrida pode ser consideravelmente maior quando comparado a um treino de musculação. Mas para isso acontecer, Rafael teria de cometer uma sequência de erros: interromper seus treinos de musculação, piorar sua alimentação e ter um volume exagerado de corrida.

Falei para ele que a perda de massa muscular ocorre quando a pessoa não realiza exercícios de força (Rafael treina musculação 6 dias na semana, e com bastante intensidade), tem uma alimentação ruim (Rafael tem acompanhamento de uma nutricionista e tem uma alimentação bastante equilibrada, que atende a suas necessidades e objetivos) e realiza um volume de treinamento de corrida exagerado. Por exagerado, entende-se aquele que passa de suas limitações e está treinando além de suas capacidades e mais do que o necessário para que seus objetivos sejam alcançados.

Ele pretendia correr 2 dias na semana, tendo como objetivo central conseguir dar uma volta na Lagoa (cerca de 7,5 km), em menos de 40 minutos. Está claro que, para tal objetivo, Rafael não precisaria de dezenas de quilômetros por semana e não teria um gasto calórico tão alto. Certamente, sua massa muscular não está em risco. Citei alguns corredores (dos velocistas aos maratonistas) para que ele pudesse entender que todos têm bastante massa muscular (obviamente os maratonistas, por correrem centenas de quilômetros por semana, têm muito menos massa muscular do que os velocistas) e que, como tudo na vida, o equilíbrio é fundamental.

Rafael ficou aliviado e brincou comigo dizendo que sua noiva não queria vê-lo magrelo. Percebendo que as chances disso acontecer eram nulas, solicitou-me uma planilha de corrida e me prometeu nunca mais acreditar no que lê, sem antes consultar quem escreveu.

Correr é uma das mais benéficas, lindas e maravilhosas coisas da vida. É um movimento natural do ser humano. Todos deveriam experimentar um dia.

(Fonte: Seleções)

Comente,

QUE VOCÊ TENHA UMA ÓTIMA SEXTA-FEIRA! /*--*/
 

Comentar

Filtered HTML

  • Endereços de sites e e-mails serão transformados em links automaticamente.
  • Tags HTML permitidas: <a> <em> <strong> <cite> <blockquote> <code> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd>
  • Quebras de linhas e parágrafos são gerados automaticamente.

Plain text

  • Nenhuma tag HTML permitida.
  • Endereços de sites e e-mails serão transformados em links automaticamente.
  • Quebras de linhas e parágrafos são gerados automaticamente.
COMPARTILHE: 

Últimas do blog