ACESSO RÁPIDO

Aposentadoria gradativa

Início / Blog / Aposentadoria gradativa

Aposentadoria gradativa

Há 30 anos, ensino as pessoas a guardar dinheiro para se aposentar. Para ter renda mensal para viver, mantendo o padrão de vida, sem precisar mais trabalhar.

Com o aumento da longevidade, a evolução tecnológica e as doenças degenerativas, fruto da inatividade, fui mudando minhas convicções.

Hoje, ensino a acumular reservas previdenciárias para diminuir o ritmo de trabalho conforme a idade for aumentando. Afinal, quem não tem objetivo na vida, quem não tem uma razão para levantar de manhã, já começou a morrer. E o Ahlzeimer, o Parkinson e outras doenças estão aí para comprovar isso.

Assim, estive pensando: em época de reforma da previdência, se este país fosse administrado por gente inteligente, por que não ir diminuindo gradualmente o ritmo de trabalho com a previdência social pagando as horas que o trabalhador deixasse de produzir para a empresa.

Exemplo: a partir dos 50 anos, ao invés de 8 horas diárias, o trabalhador prestaria serviços por 6 horas que seriam pagas pelo patrão. As 2 horas que ele deixaria de trabalhar seriam pagas pelo INSS. Aos 60 anos, reduziria para 4 horas de trabalho e 4 de aposentadoria.

Uma aposentadoria gradativa, de enorme valor para as empresas, que aproveitariam a experiência dos trabalhadores mais maduros, e solução mais barata para todos.

O mundo mudou, o trabalho mudou, a velhice mudou, por que a previdência não pode mudar?

(Fonte: Renato Follador)

Comente,

até breve...muito breve /*--*/

Comentar

Filtered HTML

  • Endereços de sites e e-mails serão transformados em links automaticamente.
  • Tags HTML permitidas: <a> <em> <strong> <cite> <blockquote> <code> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd>
  • Quebras de linhas e parágrafos são gerados automaticamente.

Plain text

  • Nenhuma tag HTML permitida.
  • Endereços de sites e e-mails serão transformados em links automaticamente.
  • Quebras de linhas e parágrafos são gerados automaticamente.
COMPARTILHE: 

Últimas do blog