ACESSO RÁPIDO

Bolso apertado: dicas para economizar nas compras do mercado

Início / Blog / Bolso apertado: dicas para economizar nas compras do mercado

Bolso apertado: dicas para economizar nas compras do mercado

A inflação tem feito com que os preços dos itens da cesta básica estejam “quase” igualados com o salário mínimo. Segundo o Dieese, entre maio e julho de 2021, o custo médio dos alimentos teve aumento em oito cidades de São Paulo. Tal crise fez com que os brasileiros repensassem os gastos nas idas ao mercado. Pensando em ajudar as pessoas a economizarem, Camila Santos, consultora financeira, elencou quatro dicas sobre o tema, confira:

Planejamento de compras 

O planejamento é a chave de qualquer organização financeira e no caso das compras, a boa e velha lista de compras é uma ferramenta interessante para planejar e não exceder o limite de gastos. A lista, que pode ser feita à mão ou no próprio celular, ajuda a não esquecer nenhum alimento e economiza (além do dinheiro) o tempo dentro do estabelecimento.

Periodicidade das compras 

Com as restrições, a ida ao mercado não é mais algo tão corriqueiro. Inclusive, tal saída é vista de forma “estratégica” por muitas famílias. Entre as considerações que devem ser feitas há a questão da periodicidade. Segundo Camila, o ideal é ir às compras quinzenalmente, pois assim evita-se o desperdício de alimentos que podem estragar e o indivíduo consegue passar alguns dias recluso.

Atacado x Varejo 

Uma outra alternativa que ajuda a baratear o preço total da compra é a ida ao atacado. Em tais locais é possível comprar uma maior quantidade de alimentos com um melhor custo-benefício. Mas é importante que o consumidor não caia na tentação de comprar mais itens que o necessário e acabar gastando mais do que devia.

Cuidado com “falsas” promoções 

Quem não gosta de promoção, né? Mas antes de se deixar levar pelo momento, o consumidor deve tomar alguns cuidados, tais como: “Ver a validade do produto e ver no rótulo se o produto é o que diz ser. Muitos vendem, por exemplo, um produto sem açúcar e cobram mais caro por isso, mas na tabela nutricional vemos a adição de outros açúcares com o mesmo teor calórico”, orienta Camila.

(Fonte: Jornal SP Norte)

Comente,

até breve...muito breve! /*--*/

Comentar

Filtered HTML

  • Endereços de sites e e-mails serão transformados em links automaticamente.
  • Tags HTML permitidas: <a> <em> <strong> <cite> <blockquote> <code> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd>
  • Quebras de linhas e parágrafos são gerados automaticamente.

Plain text

  • Nenhuma tag HTML permitida.
  • Endereços de sites e e-mails serão transformados em links automaticamente.
  • Quebras de linhas e parágrafos são gerados automaticamente.
COMPARTILHE: 

Últimas do blog