ACESSO RÁPIDO

Controle de gastos mensais: como se organizar

Início / Blog / Controle de gastos mensais: como se organizar

Controle de gastos mensais: como se organizar

Quem tem problemas financeiros sabe que organizar a vida financeira é um desejo e necessidade. Ela é uma meta alcançável para quem controla a forma como gasta o próprio dinheiro.

Afinal, o controle de gastos é útil para investir e ter retorno financeiro, criar uma reserva de emergência, comprar um imóvel e muito mais.

Aprenda como fazer um bom controle de gastos pessoais. 

Qual a importância de ter um controle de gastos?

Pense no seu guarda-roupa. Para organizá-lo e facilitar sua rotina, o ideal seria separar as roupas de frio das de calor, colocar as roupas íntimas e meias em gavetas acessíveis, pendurar peças delicadas em cabides e assim por diante.

Essa organização dá trabalho no começo, mas faz com que você “ganhe” vários minutos por dia. Afinal, você saberá em qual parte do armário fica sua camiseta favorita. Sem contar que as roupas não ficarão amassadas ou perdidas, porque você estabeleceu um controle sobre elas.

Essa mesma lógica vale para os gastos mensais. Se você não controlá-los, não saberá para onde vai o seu dinheiro.

Pior ainda: sem controlar gastos, você dificilmente organizará suas finanças pessoais para fazer aquela viagem ou comprar o carro que você tanto quer.

Mas como manter o controle das despesas?

Agora que você já entendeu quão importante é saber como realizar um controle de gastos, é hora de ver como fazer isso na prática. Um jeito bastante simples de controlar suas despesas diariamente é fazendo anotações no celular ou usando aplicativos de controle financeiro. Caso prefira métodos mais tradicionais, também é possível anotar tudo em um caderninho ou em uma planilha.

Para isso, lembre-se de sempre pedir anota fiscal de tudo o que você compra.

É fundamental dar um jeito de registrar esses custos na hora ou logo em seguida, ok? Assim, você não se esquecerá das transações que fez no dia e vai poder fazer seu controle de gastos mensais de forma mais organizada.

Para facilitar, é importante ter uma planilha de controle de gastos. Nela, você consegue ter o completo domínio da entrada e saída dos gastos e receitas. Mas se lembre que ela deve ser sempre atualizada para maior eficiência.

Passo a passo para realizar o controle de gastos pessoais

Quer mais uma ajudinha para começar a cuidar das finanças? Veja só algumas etapas importantes deste processo. É importante realizar em um mês para verificar o que está sendo gasto, separando custos fixos e variáveis.

1. Anote todos os seus gastos

Como dissemos, essa é uma prática fundamental para controlar gastos pessoais. Você pode usar algum dos aplicativos sugeridos acima ou uma planilha para controle de gastos.

Para ter efetividade nesse passo, faça disso um hábito: gastou, anotou. Assim, você dificilmente se esquecerá de alguma compra que fez, independentemente de ela ter custado R$1,00 ou R$500,00.

2. Organize as despesas e alinhar por categorias

A correria do cotidiano faz com que não tenhamos tempo para quase nada, não é mesmo? De qualquer forma, separe uns minutinhos no fim do mês para organizar as despesas.

Aqui, a ideia é alinhá-las por categorias, como alimentação, diversão, extras, estacionamento, carro, saúde, etc. Essa etapa pode ser um pouco chata no começo, mas logo você se acostumará. Não se esqueça: todo gasto deve ser registrado e pertencer a uma categoria.

3. Identifique para onde o dinheiro está indo e tenha mais atenção aos gastos

Depois de um tempo executando os dois primeiros passos, você poderá saber para onde o seu dinheiro está indo. Afinal, será mais fácil analisar se você está gastando mais do que deveria com alimentação, com transporte ou com o plano de televisão a cabo, por exemplo.

Aprenda a poupar e investir seu dinheiro

Após controlar as finanças, o próximo passo é economizar para investir. Dessa forma, você poderá levar uma vida financeira organizada, e este é o primeiro estágio para ter um futuro tranquilo e poder realizar seus sonhos. 

Portanto, defina alguns objetivos a serem alcançados.

Pense no que você mais deseja: conhecer outro país, ter uma casa na praia, adquirir um automóvel de luxo, fazer um curso, etc.

Depois, tire o dinheiro da Poupança e escolha uma aplicação que tenha um rendimento mais interessante. Caso você não entenda muito do assunto, saiba que existem muitos artigos e até mesmo cursos gratuitos sobre investimentos na internet.

Basta ter vontade de aprender e começar a investir. Após economizar e fazer com que seu dinheiro renda mais, você poderá colher os frutos de sua organização.

Afinal, vai chegar a hora em que você vai poder desfrutar de todos os benefícios do controle de gastos que você fez.

Você finalmente vai poder realizar seus sonhos e levar uma vida com mais conforto.

(Fonte: Eu Mais Rico)

Comente, 

até breve...muito breve! /*--*/

Comentar

Filtered HTML

  • Endereços de sites e e-mails serão transformados em links automaticamente.
  • Tags HTML permitidas: <a> <em> <strong> <cite> <blockquote> <code> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd>
  • Quebras de linhas e parágrafos são gerados automaticamente.

Plain text

  • Nenhuma tag HTML permitida.
  • Endereços de sites e e-mails serão transformados em links automaticamente.
  • Quebras de linhas e parágrafos são gerados automaticamente.
COMPARTILHE: 

Últimas do blog