ACESSO RÁPIDO

Repouso absoluto na gravidez: quando ele é indicado e em quais casos?

Início / Blog / Repouso absoluto na gravidez: quando ele é indicado e em quais casos?

Repouso absoluto na gravidez: quando ele é indicado e em quais casos?

Devido às mudanças que acontecem no corpo nessa fase, a gravidez pode vir acompanhada de algumas complicações que exigem atenção especial. Nesse sentido, é importante a mulher entender melhor esse assunto, pois, nos casos mais graves, o ginecologista pode recomendar repouso absoluto na gravidez.

Mediante isso, vamos apresentar quais são as causas médicas para indicar o repouso total e sugerir dicas práticas para evitar problemas durante esse período. Além disso, iremos mostrar os cuidados que devem ser adotados até o momento do parto. Boa leitura!

Por que esse tipo de repouso é tão importante?

O repouso absoluto é indicado quando há doenças ou condições fisiológicas que impedem a movimentação. Problemas associados à posição do feto ou a doenças crônicas exigem que a gestante fique somente sentada ou deitada. Há casos em que a mulher poderá se locomover apenas para o banho ou as necessidades fisiológicas.

Para mamães trabalhadoras, esse repouso é amparado por Lei, já que o afastamento do trabalho será pela necessidade de cuidar da saúde. A trabalhadora tem direito ao descanso remunerado — o auxílio-doença —, que é pago pela empresa somente nos 15 primeiros dias. Depois, a funcionária terá cobertura da Previdência Social.

Quando é recomendado fazer repouso absoluto na gravidez? Listamos alguns quadros em que a grávida precisa ficar de repouso absoluto. Veja quais são!

Sangramento

Durante a gravidez, pode surgir algum sangramento, mas isso nem sempre representa perigo. No primeiro trimestre, o médico recomenda o repouso relativo e alguns cuidados específicos para evitar quadros de hemorragia e o risco de aborto, segundo o Manual de Acompanhamento Pré-natal da Federação Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia (FEBRASGO).

Contudo, se houver sangramento no segundo ou terceiro trimestre, o obstetra vai colocar você quietinha, na cama, até a chegada do bebê. Dependendo da intensidade do sangramento, pode até ser necessária a internação. Mas tenha calma: na maioria dos casos, o repouso absoluto na gravidez é suficiente para resolver o problema.

Por isso, por menor que seja o sangramento nessa fase da gestação, o ideal é relatar, imediatamente, ao médico. A indicação de repouso depende das condições de saúde da mãe, do feto e da origem do sangramento. Por precaução, caso não consiga falar com o seu médico, procure um pronto socorro.

Contrações prematuras

No terceiro trimestre gestacional, a atenção aos riscos de parto prematuro é um dos cuidados mais importantes. Por isso, a orientação médica é manter a tranquilidade, cuidar da alimentação, do sono e descansar bastante durante o dia. Tais práticas reduzem bastante o risco de parto prematuro.

As contrações prematuras elevam o risco da realização do parto antes do tempo previsto. Por conta disso, essa é uma das complicações em que os médicos recomendam o repouso absoluto na gravidez. Essa é uma importante medida para relaxar os músculos da pelve e reduzir esses problemas.

Placenta prévia

Também conhecida como placenta baixa, a placenta prévia é caracterizada por sangramentos decorrentes de obstrução parcial, ou mesmo total, do colo uterino. Quando esses sangramentos têm origem placentária, há indicação imediata de repouso absoluto.

Pré-eclâmpsia

A pré-eclâmpsia é um quadro mais comum em gestantes obesas, que tenham pressão alta ou com histórico familiar para a doença. A boa notícia é que ela não é muito comum, mas pode ocorrer na primeira gravidez, principalmente em gestantes com mais de 35 anos. A gravidez de gêmeos também aumenta esses riscos.

Nesse quadro, o ideal é manter o repouso absoluto e o controle da pressão arterial. Essa vigilância é muito importante para evitar que haja complicações com a oxigenação do feto. Além disso, a pressão elevada também significa riscos para a saúde da gestante.

Como aliviar os desconfortos do repouso absoluto na gravidez?
Muitas mamães buscam medidas para aumentar o conforto e, assim, passar pelo repouso total com mais tranquilidade e bem-estar. Por isso, separamos algumas dicas para você. Confira!

Deitar de lado

Deitar de lado é mais confortável para a grávida porque ajuda a melhorar a oxigenação e o fluxo de sangue para o feto. Para mais conforto, experimente colocar uma almofada entre as pernas enquanto deita. Outra dica é mudar de lado para prevenir dores no corpo e não irritar a pele.

Exercícios de alongamento

Essa dica depende do tipo de repouso. Por isso, pergunte ao seu médico sobre a possibilidade de fazer exercícios. Se ele der o sinal verde, mesmo deitada, você pode alongar braços, pernas e pescoço para melhorar a função muscular. Tente fazer exercícios respiratórios também: inspirar profundamente e soltar o ar, calmamente, alivia o estresse e relaxa a mente.

Alimentação

Ficar parada por longos períodos pode gerar ansiedade e descontrolar o apetite. Procure, pois, cuidar da alimentação e incluir elementos mais nutritivos e que ajudam a controlar o seu peso e o do bebê.

Entretenimento

Cuidar da saúde mental é essencial para quem está em repouso absoluto na gravidez. Então, faça uma agenda diária com atividades de sua preferência e que contribuam para tornar o seu dia melhor. Coloque a leitura em dia, assista a filmes e séries e participe de sites, blogs e fóruns com conteúdos sobre saúde na gestação.

Cuidados pessoais

Procure priorizar os cuidados com a saúde e com a aparência. Faça as unhas, hidrate a pele ou convide aquela cabeleireira amiga para um café da tarde. Aproveite para cortar o cabelo, renovar o look e melhorar o astral.

Como tornar esse repouso mais tranquilo?

Para garantir o seu bem-estar e o do bebê, fique de olho no seguinte:

• siga corretamente as orientações médicas para tornar a sua gestação segura;
• beba muitos líquidos para ajudar na função dos rins, do intestino e diminuir a retenção de líquido;
• tome sol diariamente para aumentar a vitamina D, importantíssima para fortalecer os ossos do feto;
•tenha paciência, pois essa fase logo vai passar e tudo ficará bem;
• evite o estresse, seja calma e cultive pensamentos positivos;
• explique a sua situação para os outros filhos, caso os tenha.

Por fim, pode-se concluir que o repouso absoluto na gravidez é uma proteção para a mamãe e o bebê. Por isso, é importante seguir essas dicas para passar por essa etapa mais feliz. Você também deve acompanhar um portal de notícias sobre maternidade e adquirir mais informações sobre os temas relacionados à gravidez.

(Fonte: Bebê Mamãe)

Comente,

QUE VOCÊ TENHA UMA ÓTIMA SEGUNDA-FEIRA!

Comentar

Filtered HTML

  • Endereços de sites e e-mails serão transformados em links automaticamente.
  • Tags HTML permitidas: <a> <em> <strong> <cite> <blockquote> <code> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd>
  • Quebras de linhas e parágrafos são gerados automaticamente.

Plain text

  • Nenhuma tag HTML permitida.
  • Endereços de sites e e-mails serão transformados em links automaticamente.
  • Quebras de linhas e parágrafos são gerados automaticamente.
COMPARTILHE: 

Últimas do blog