ACESSO RÁPIDO

Você sabe a diferença entre orçamento e planejamento financeiro?

Início / Blog / Você sabe a diferença entre orçamento e planejamento financeiro?

Você sabe a diferença entre orçamento e planejamento financeiro?

Diferenciar o orçamento doméstico e o planejamento financeiro é algo essencial para saber cuidar do seu dinheiro e fazer o controle de gastos. Por mais que os dois itens se completem, existem algumas diferenças que você deve conhecer e saber como lidar. Veja só!

O que é orçamento doméstico?

O orçamento é a mesma coisa que orçar um serviço. Ou seja é a estimativa da entrada e saída do seu dinheiro no mês. Nessa etapa da organização financeira, você coloca na ponta do lápis o valor do aluguel, contas de luz, água, plano de saúde, entre outros gastos.

O mais difícil nesta hora é calcular valores que são variáveis. Entram nessa divisão despesas com supermercado e conta de telefone, por exemplo. A diferença de valor entre um mês e outro pode te assustar, mas se você conseguir acompanhar a evolução ao longo do tempo, chegará a um gasto médio estimado.

Mesmo com algumas contas “instáveis”, temos que ter um planejamento financeiro para fazer o controle de gastos. E para fazer da maneira certa, é necessário ter o orçamento mensal nas mãos. Para isso, você precisa saber quanto gasta mensalmente com cada um dos itens: do supermercado a contas no geral até o cabeleireiro, presentes, gastos extras, delivery e o cafezinho.

Após montar o seu orçamento doméstico, sabe exatamente quanto gasta. O que fazer então com isso?

Hora de montar o planejamento financeiro

É no planejamento que vem a parte mais gostosa de fazer um orçamento mensal: sonhar. Aqui precisam estar seus objetivos para serem realizados no curto, médio e longo prazo.

É na hora de fazer o seu planejamento financeiro que você consegue projetar as suas despesas para frente e incluir os seus sonhos, como gastos com viagens, lazer, compras e afins. Afinal, quem disse que para ter organização financeira precisa parar de comprar? Gastos são permitidos, desde que sejam feitos de forma consciente e que aumentem a sua qualidade de vida – e não virem um tormento depois, na hora da fatura.

(Fonte: Finanças Femininas)

Comente, até breve...muito breve

Comentar

Filtered HTML

  • Endereços de sites e e-mails serão transformados em links automaticamente.
  • Tags HTML permitidas: <a> <em> <strong> <cite> <blockquote> <code> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd>
  • Quebras de linhas e parágrafos são gerados automaticamente.

Plain text

  • Nenhuma tag HTML permitida.
  • Endereços de sites e e-mails serão transformados em links automaticamente.
  • Quebras de linhas e parágrafos são gerados automaticamente.
COMPARTILHE: 

Últimas do blog